SURF MUNDIAL WSL - Oito brasileiros seguem na busca do título no CT de Bali

por Redação de Olho no Mar / 29/05/2018

Na terça-feira, foram realizadas as seis baterias restantes da repescagem e a primeira chamada da quarta-feira será as 6h30 em Bali, 19h30 da terça-feira no Brasil.

O cearense Michael Rodrigues, o catarinense Tomas Hermes e o paulista Jessé Mendes, venceram suas primeiras baterias nas direitas de Keramas e oito brasileiros seguem na disputa do título do Corona Bali Protected na Indonésia. Os outros que já tinham passado para a terceira fase são os campeões mundiais Gabriel Medina e Adriano de Souza, o também paulista Filipe Toledo, o potiguar Italo Ferreira e o catarinense Willian Cardoso. Na terça-feira, foram realizadas as seis baterias restantes da repescagem e a primeira chamada da quarta-feira será as 6h30 em Bali, 19h30 da terça-feira no Brasil.

Jesse Mendes (Foto: @WSL / Kelly Cestari)

O terceiro dia do quinto desafio do World Surf League Championship Tour amanheceu com ondas menores em Keramas, 3-5 pés sem tubos, mas com boa formação para manobras de borda e aéreas também. A terça-feira começou com o pernambucano Ian Gouveia perdendo o duelo luso-brasileiro para Frederico Morais, mas Jessé Mendes ganhou a terceira eliminatória do dia, sendo o único a despachar um cabeça de chave na segunda metade da repescagem, o japonês Kanoa Igarashi.

Na disputa seguinte, o havaiano Ezekiel Lau aumentou para 15,57 pontos o recorde de pontos do Corona Bali Protected, ultrapassando os 15,50 do campeão mundial Adriano de Souza em sua estreia na segunda-feira. Depois, aconteceu o primeiro duelo verde-amarelo nas direitas de Keramas, com o cearense Michael Rodrigues vencendo uma verdadeira batalha de aéreos contra o catarinense Yago Dora, encerrada com um placar apertado de 11,40 a 11,27 pontos.

Michael Rodrigues (Foto: @WSL / Ed Sloane)

As condições do mar já começavam a ficar ruins com a chegada do vento desfavorável para a boa formação das ondas em Keramas. Mesmo assim, o catarinense Tomas Hermes conseguiu somar duas notas 6,33 para despachar o australiano Connor O´Leary por 12,66 a 11,34 pontos na disputa pela última vaga para a terceira fase. Essa bateria fechou a repescagem e a terça-feira em Bali, pois as ondas já estavam bastante deterioradas para continuar o evento.

TERCEIRA FASE – Estas três classificações completaram oito brasileiros na terceira fase do Corona Bali Protected. O paulista Jessé Mendes foi escalado na primeira bateria com o bicampeão mundial e recordista de pontos do primeiro dia, John John Florence. Depois, vem dois confrontos seguidos entre Brasil e Austrália, do catarinense Willian Cardoso com Owen Wright na terceira bateria e do cearense Michael Rodrigues na quarta com Adrian Buchan.

Tomas Hermes (Foto: @WSL / Ed Sloane)

O próximo a disputar vaga para a rodada classificatória para as quartas de final será o campeão mundial Gabriel Medina, na sétima bateria contra o sul-africano Michael February. Na décima, acontece o segundo duelo brasileiro em Bali, entre o potiguar Italo Ferreira e o catarinense Tomas Hermes. Nas baterias seguintes, Adriano de Souza faz um clássico de campeões mundiais com Joel Parkinson e Filipe Toledo fecha a terceira fase com o havaiano Keanu Asing.

JEEP LEADERBOARD – Nesta chave de baixo do evento, que vai definir o segundo finalista do Corona Bali Protected, estão os três brasileiros que são os principais concorrentes do australiano Julian Wilson na briga pela lycra amarela do Jeep Leaderboard. Filipe Toledo assumiu a vice-liderança no ranking com a vitória no Oi Rio Pro em Saquarema, Italo Ferreira é o terceiro colocado e Gabriel Medina está em quarto lugar.

O líder Julian Wilson terá um difícil adversário pela frente, o também australiano Mikey Wright na sexta bateria, ou seja, compete antes de Medina entrar no mar com o sul-africano Michael February. O principal adversário do australiano é o Filipe, pois a briga entre eles é quase fase a fase na Indonésia. Italo precisa chegar nas semifinais para igualar os 21.080 pontos que o australiano já tem no ranking. E Medina só supera essa marca se passar para a grande final.

INÍCIO DO FEMININO – Depois de três dias só com os homens competindo nas direitas de Keramas, a expectativa é iniciar a etapa feminina do Corona Bali Protected na quarta-feira. As meninas até estavam esperando estrear na terça-feira, após as seis baterias restantes da repescagem masculina, porém foram dispensadas porque as condições do mar se deterioraram rapidamente com a entrada do vento ruim para Keramas.

Elas vão ter que estar preparadas para competir na primeira chamada da quarta-feira, as 6h30 em Bali, 19h30 da terça-feira no Brasil. A gaúcha Tatiana Weston-Webb entra na segunda bateria com a americana Caroline Marks e a australiana Bronte Macaulay. E a cearense Silvana Lima está na quinta com a havaiana Carissa Moore e a californiana Courtney Conlogue, que está voltando de uma contusão que a tirou das quatro primeiras etapas da temporada.

O Corona Bali Protected está sendo transmitido ao vivo da Indonésia pelo www.worldsurfleague.com

SOBRE A WORLD SURF LEAGUE – A World Surf League (WSL) tem como objetivo celebrar o melhor surfe do mundo nas melhores ondas do mundo, através das melhores plataformas de audiência. A Liga Mundial de Surf, com sede em Santa Mônica, na Califórnia, atua em todo o globo terrestre, com escritórios regionais na Austrália, África, América do Norte, América do Sul, Havaí, Europa e Japão.

A WSL vem realizando os melhores campeonatos do mundo desde 1976, realizando mais de 180 eventos globais que definem os campeões mundiais masculino e feminino no Championship Tour, além do Big Wave Tour, Qualifying Series e das categorias Junior e Longboard, bem como o WSL Big Wave Awards. A Liga tem especial atenção para a rica herança do esporte, promovendo a progressão, inovação e desempenho nos mais altos níveis, para coroar os campeões de todas as divisões do Circuito Mundial.

Os principais campeonatos de surf do mundo são transmitidos ao vivo pelo www.worldsurfleague.com e pelo aplicativo grátis WSL app. A WSL tem uma enorme legião de fãs apaixonados pelo surf em todo o mundo, que acompanham ao vivo as apresentações de grandes estrelas, como Tyler Wright, John John Florence, Paige Alms, Kai Lenny, Taylor Jensesn, Honolua Blomfield, Mick Fanning, Stephanie Gilmore, Kelly Slater, Carissa Moore, Gabriel Medina, Courtney Conlogue, entre outros, competindo no campo de jogo mais imprevisível e dinâmico entre todos os esportes no mundo.

Para mais informações, visite o WorldSurfLeague.com.

———————————————————–

João Carvalho – WSL South America Media Manager

(48) 999-882-986 – jcarvalho@worldsurfleague.com

———————————————————–

PRIMEIRA FASE FEMININA DO CORONA BALI PROTECTED:

1.a: Tyler Wright (AUS), Johanne Defay (FRA), Coco Ho (HAV)

2.a: Tatiana Weston-Webb (BRA), Caroline Marks (EUA), Bronte Macaulay (AUS)

3.a: Stephanie Gilmore (AUS), Sage Erickson (EUA), Carol Henrique (PRT)

4.a: Lakey Peterson (EUA), Keely Andrew (AUS), Paige Hareb (NZL)

5.a: Carissa Moore (HAV), Silvana Lima (BRA), Courtney Conlogue (EUA)

6.a: Nikki Van Dijk (AUS), Sally Fitzgibbons (AUS), Malia Manuel (HAV)

TERCEIRA FASE – Derrota=13.o lugar com 1.665 pontos e US$ 11.500:

1.a: John John Florence (HAV) x Jessé Mendes (BRA)

2.a: Michel Bourez (TAH) x Ezekiel Lau (HAV)

3.a: Owen Wright (AUS) x Willian Cardoso (BRA)

4.a: Adrian Buchan (AUS) x Michael Rodrigues (BRA)

5.a: Matt Wilkinson (AUS) x Griffin Colapinto (EUA)

6.a: Julian Wilson (AUS) x Mikey Wright (AUS)

7.a: Gabriel Medina (BRA) x Michael February (AFR)

8.a: Frederico Morais (PRT) x Jeremy Flores (FRA)

9.a: Jordy Smith (AFR) x Conner Coffin (EUA)

10: Italo Ferreira (BRA) x Tomas Hermes (BRA)

11: Adriano de Souza (BRA) x Joel Parkinson (AUS)

12: Filipe Toledo (BRA) x Keanu Asing (HAV)

SEGUNDA FASE – Derrota=25.o lugar com 420 pontos e US$ 10.000:

——–resultados da terça-feira:

7.a: Frederico Morais (PRT) 12.07 x 8.43 Ian Gouveia (BRA)

8.a: Matt Wilkinson (AUS) 14.94 x 7.00 Joan Duru (FRA)

9.a: Jessé Mendes (BRA) 12.33 x 10.56 Kanoa Igarashi (JPN)

10: Ezekiel Lau (HAV) 15.57 x 8.67 Patrick Gudauskas (EUA)

11: Michael Rodrigues (BRA) 11.40 x 11.27 Yago Dora (BRA)

12: Tomas Hermes (BRA) 12.66 x 11.34 Connor O´Leary (AUS)

——–resultados da segunda-feira:

1.a: Filipe Toledo (BRA) 12.77 x 11.00 Oney Anwar (IDN)

2.a: Italo Ferreira (BRA) 11.84 x 11.14 Barron Mamiya (HAV)

3.a: Mikey Wright (AUS) 14.17 x 7.83 Kolohe Andino (EUA)

4.a: Adrian Buchan (AUS) 9.90 x 8.76 Miguel Pupo (BRA)

5.a: Michael February (AFR) 9.56 x 6.73 Wade Carmichael (AUS)

6.a: Keanu Asing (HAV) 8.47 x 8.00 Sebastian Zietz (HAV)