Maui Pro apresentado pela Roxy é adiado novamente no Havaí

por Redação de Olho no Mar / 06/12/2020

A próxima chamada será as 7h30 do domingo na ilha de Maui, 14h30 no fuso de Brasília.

O sábado foi mais um dia de espera para dar a largada na temporada 2021 do World Surf League Championship Tour no Havaí. As melhores surfistas do mundo seguem aguardando a chegada de boas ondas para iniciar o Maui Pro apresentado pela Roxy, que ainda tem até o dia 15 para ser encerrado em Honolua Bay. A próxima chamada será as 7h30 do domingo na ilha de Maui, 14h30 no fuso de Brasília. Na terça-feira, começa o prazo do Billabong Pipe Masters em homenagem a Andy Irons apresentado pela Hydro Flask para os homens e os dois eventos serão transmitidos ao vivo pelo WorldSurfLeague.com e pelo canal ESPN no Brasil.

“Estamos monitorando dois swells (ondulações) que devem chegar nas próximas 24 horas e o segundo parece ser mais consistente”, disse Jessy Miley-Dyer, vice-presidente de circuitos e competições da WSL. “Definitivamente, teremos ondas, só depende de quando. A boa notícia é que haverá boas condições para surfar aqui em Honolua e vamos fazer um grande evento”.

Diferente da maioria dos esportes profissionais, que são realizados com horários programados para acontecer, no surfe é necessário se ajustar ao que a Mãe Natureza oferece. Essa incerteza pode ser um desafio à mais para quem participa do Circuito Mundial da World Surf League, pois precisam estar preparados para competir a cada dia da janela dos eventos. Em Maui, as dezessete concorrentes ao título aguardam ansiosas para iniciar a temporada.

“Acho que isso é apenas uma parte do nosso jogo. Faz parte da nossa profissão”, destaca a Tyler Wright, que venceu esta etapa de Maui em 2016 e foi vice-campeã na final australiana de 2019 com Stephanie Gilmore“Não sabemos qual dia haverá competição, então temos que ficar ligadas. Eu não sei dizer se isso é mais difícil, porque nunca fiz outra coisa. Eu tento ficar o mais descontraída possível, mas me focar ao máximo uma hora antes de competir”.

Tyler Wright erm Honolua Bay em 2019 (Foto: Ed Sloane / WSL via Getty Images)

A australiana conquistou dois títulos mundiais consecutivos no World Surf League Championship Tour em 2016 e 2017. Em 2018, participou das cinco primeiras etapas e só voltou a competir no Maui Pro apresentado pela Roxy que fechou o circuito de 2019. O de 2020 foi cancelado pela pandemia do Covid-19 e ela permanece na elite das 17 melhores do mundo, com a vaga da WSL reservada para as atletas que se contundem durante a temporada.

Tyler Wright está escalada na segunda bateria com duas jovens promessas, a vice-campeã mundial de 2019, Caroline Marks, de apenas 18 anos de idade, e a estreante Isabella Nichols, 23 anos. A única brasileira na disputa do título em 2021 é a gaúcha Tatiana Weston-Webb, que desde criança mora na ilha de Maui. Ela vai disputar as duas últimas vagas diretas para a terceira fase com as norte-americanas Courtney Conlogue e Sage Erickson.

WSL CT FANTASY – Com mais um adiamento em Maui, os fãs do surfe mundial ganham mais tempo para rever a escalação dos seus times no jogo oficial do WSL CT Fantasy. Se você ainda não se cadastrou, registre-se agora para participar da temporada 2021 do World Surf League Championship Tour. Veja as novidades no jogo para este ano:

– Escolha equipes combinadas: os circuitos masculino e feminino agora estão integrados em um único jogo e você escolherá os homens e mulheres para cada evento. A estrutura com as duas categorias simplifica a interface do usuário e oferece mais opções de combinação de surfistas aos jogadores, promovendo confrontos cruzados entre as ligas.

– Mudar atletas durante o evento: a relação dos surfistas não será mais bloqueada no início dos eventos. Você poderá mudar sua equipe até o final da segunda fase das etapas.

– Marque mais pontos com seu surfista “power”: você irá escolher um homem e uma mulher para serem o “power surfer” do seu time, que vai computar o dobro dos pontos conquistados. Este recurso permitirá que você ganhe vantagem com um surfista específico, que pode fazer a diferença entre equipes com escalações semelhantes.

Os jogadores podem se registrar no fantasy.worldsurfleague.com ou no aplicativo da WSL.

COVID-19 – A World Surf League trabalhou em colaboração com especialistas da área médica e dos governos estadual e municipal, para garantir que o Maui Pro apresentado pela Roxy seja seguro para as atletas, funcionários e staff local, em relação à proteção do Covid-19. Para evitar aglomerações, haverá controle de público na praia e o evento será realizado como uma produção de filme para a transmissão ao vivo. O protocolo desenvolvido pela WSL terá aplicação de testes Covid-19 nas atletas, seus acompanhantes e funcionários, com verificações diárias de temperatura, medidas de distanciamento social, desinfecção frequente em áreas comuns e com pessoal mínimo no local. Esses padrões foram desenvolvidos com base nas diretrizes da Organização Mundial de Saúde (OMS), dos Centros para Controle e Prevenção de Doenças (CDC) e deverão ser utilizados em todos os eventos da WSL.

O prazo do Maui Pro apresentado pela Roxy começou na sexta-feira e vai até o dia 15 de dezembro. A etapa de abertura do World Surf League Championship Tour 2021 será transmitida ao vivo pelo WorldSurfLeague.com e pelo aplicativo da WSL e pelo canal ESPN no Brasil.

PRIMEIRA FASE DO MAUI PRO APRESENTADO PELA ROXY:
1.a: Lakey Peterson (EUA), Nikki Van Dijk (AUS), Keely Andrew (AUS)
2.a: Caroline Marks (EUA), Isabella Nichols (AUS), Tyler Wright (AUS)
3.a: Carissa Moore (HAV), Bronte Macaulay (AUS), Bettylou Sakura Johnson (HAV)
4.a: Stephanie Gilmore (AUS), Malia Manuel (HAV), Macy Callaghan (AUS)
5.a: Sally Fitzgibbons (AUS), Johanne Defay (FRA), Brisa Hennessy (CRI)
6.a: Tatiana Weston-Webb (BRA), Courtney Conlogue (EUA), Sage Erickson (EUA)

———————————————————–

WSL Global Communications:

Chloe Kojima – ckojima@worldsurfleague.com

Amy Denman – adenman@worldsurfleague.com

———————————————————–

João Carvalho – jcarvalho@worldsurfleague.com

WSL Latin America Media Manager

Felipe Marcondes – fmarcondes@worldsurfleague.com

WSL Latin America Senior Manager, Content & Marketing